sexta-feira, 12 de novembro de 2010

OS DEZ MANDAMENTOS DOS PAIS DE PORTADORES DE DEFICIENCIA.

1º Amar o filho. O amor dos pais pode fazer por ele mais do que muitos tratamentos.

2º Respeitar o filho. A atitude dos pais irá determinar o respeito que a família e a sociedade terão pelo deficiente.

3º Aceitar o filho. Como qualquer filho, ele tem o direito de ser recebido e tratado com carinho pelos pais.

4º Não se culpar nem procurar culpados pela deficiência do filho, seja ela qual for.

5º Buscar orientação segura para oferecer a melhor educação e assistência ao filho.

6º Cuidar do filho. Cumprir essa tarefa é assumir o verdadeiro papel de pai e mãe, que não deve ser transferido para outras pessoas, a não ser em caso de extrema necessidade.

7º Criar um ambiente de paz e harmonia no lar. Isso beneficia não só o portador de deficiência, mas toda a família.

8º Não se deixar enganar pelos falsos milagres. Procurar sempre tratamentos já comprovados.

9º Apresentar o filho portador de deficiência ao mundo. Ele não é criminoso, portando não deve ser excluído do convívio social.

10º Saber que só Deus conhece todas as possibilidades de qualquer ser humano. Cabe aos pais ampliar e não estreitar os limites do filho portador de deficiência.

Nenhum comentário: