sexta-feira, 22 de março de 2013

"O SOFRIMENTO TAMBÉM RESSUSCITA".


Quantos e quantos, sendo tão perfeitos,
Cheios de vida e pela vida aceitos,
Tendo ao alcance tanto conteúdo,

Levam a vida a reclamar de tudo.

Quem vive assim e finge que padece,
Ou desconhece ou faz que não conhece
A vida heróica de alguns "diferentes"
Que são exemplos pros inconscientes.

Esses gigantes que a fatalidade
Quis anulá-los da sociedade,
Usando golpes de força infinita,

Vivem alegres e fazendo planos,
Mostrando ao mundo que apesar dos danos,
O sofrimento também ressuscita.



Soneto do Poeta Tabirense:
(Dedé Monteiro).

Nenhum comentário: