domingo, 27 de janeiro de 2019

A ADET está de luto.


É com imensa tristeza que A ADET comunica á Todos que nosso amigo FRANCISCO ANCHIETA DE ARAÚJO LOPES, que nos deixou na noite desta sexta-feira, 25/01. 

Anchieta, atualmente, ocupava a vice-presidência da ADET,  além de ter sido um dos fundadores e presidente da associação no biênio 2006/2008. 

Com certeza ele deixou sua marca na ADET e em todas as entidades por onde passou, pois era um homem visionário e muito dedicado em tudo o que fazia e foi uma pessoa, que apesar das dificuldades, se manteve firme em defesa da sobrevivência da ADET e em defesa de  uma vida melhor para as pessoas com deficiência. 

Nessa última semana tivemos essas duas perdas irreparáveis, dia 21 do nosso ex-diretor JOSÉ FERREIRA IRMÃO (BIU), falecido na última segunda-feira, 21/01. O mesmo fez parte da diretoria da associação ocupando o cargo de 2° secretário no biênio 2008/2010, na gestão do então presidente e atual diretor Heleno Trajano, e colaborou de forma significativa para o desenvolvimento da entidade. E ontem 25/01 do Amigo e tambem diretor Anchieta Araujo. Mas continuaremos de forma incansável "VENCENDO PRECONCEITOS E REVENDO CONCEITOS".

Diretores da ADET.

E o nosso Amigo e Poeta (Genildo Santana) prestou uma linda homengem ao saudoso Anchieta Araújo com essa bela poesia...

Eita! Que notícia triste
De manhã, Jeferson me deu,
E a dor no peito dele
Também tá no peito meu.

Indo pra rua ou voltando
No teu canto eu te via
E a gente comentava
Pauta do que acontecia.

Gostava das tuas ideias,
Também dos teus ideais,
Tu gostavas das poesias
Que a gente fez e faz.

Meu amigo Anchieta
Que tristeza, meu irmão,
Sentirei falta demais
Da tua reflexão...

Agora indo ou voltando
Nem o olhar eu desvio,
Que em vez de te ver sentado
Verei um lugar vazio.

Verei um rádio calado,
Sem seu dono lhe escutar,
E uma cadeira esperando
O seu dono se sentar.

Obrigado, meu irmão,
Por ideias que trocamos,
Pelas risadas,palestras,
Nas vezes que conversamos.

Como gostavas de versos,
Eu te digo, nesse dia,
Que tá doendo demais
Fazer essa Poesia.

Vai com Deus, Anchieta! Obrigado por tudo! (Genildo Santana)

terça-feira, 22 de janeiro de 2019

ADET Instala placa de identificação da sua sede social ás margens da rodovia PE 320.



Na tarde de ontem, sexta-feira 18/01, a ADET instalou às margens da rodovia PE 320 uma placa de identificação da sua sede. 

O equipamento adquirido com recursos próprios tem 2 metros de largura, 4 de comprimento e uma  base com 5 metros de altura, e foi instalado para facilitar a identificação da localização da sede da entidade por parte de quem passa por aquela via. 

Essa é mais uma conquista da ADET, que graças a Deus, primeiramente, aos seus diretores, associados e colaboradores tem se mantido firme na luta por dias melhores para as pessoas com  deficiência.

O Diretor Heleno Trajano fez uma poesia em parceria com seu filho Heliezer Souza, parabenizando o presidente da Entidade Luiz Antonio (Nem) pela inicitiva de dar mais visibilidade a Entidade que no no mês de abril estará completando quinze anos de sua fundaçãoe logo abaixo veremos mais fotos.

A NOVA PLACA DA ADET
TRAZ MAIS VISIBILIDADE.

São quinze anos passados
Desde a sua fundação,
Promovendo a inclusão
E juntando os “separados”
Que não eram mais visados,
Nem tinham mais liberdade
De andar pela cidade,
Tudo agora se reflete.
A NOVA PLACA DA ADET
TRAZ MAIS VISIBILIDADE.

Superando o preconceito
E derrubando “muralhas”,
Foram muitas as “batalhas”
Contra a falta de respeito,
Revendo sempre o conceito
De  Solidariedade,
Trazendo mais igualdade
Que a todos nós compete.
A NOVA PLACA DA ADET
TRAZ MAIS VISIBILIDADE.
                                                                         
Vivenciando respeito...
Fazendo parte da história.
Ficaremos na memória
Por cada um ser aceito,
Estando no seu direito
Junto a sua entidade,
E sendo prioridade
Esse ideal se repete.
A NOVA PLACA DA ADET
TRAZ MAIS VISIBILIDADE.

Mote e poesia: Heleno Trajano.
Parceria de Heliezer Souza.
Edição: Poeta Eniel Alves.


    




    

Matéria: Eniel Alves e Heleno Trajano.

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

ADET realiza Assembleia Geral Ordinária com Sucesso!


                          

        Aconteceu no último sábado 12/01, a Assembleía Geral ordinária da ADET - Associção dos Deficientes de Tabira, iniciou-se as 9h00 com o seu presidente Luiz Antonio saudando a todos, agradecendo pelas presenças e fazendo a prestação de contas. Com um breve relato, falou da funcionalidade da Entidade e logo em seguida fez a leitura das dos balancetes financeiros e das atividades desenvolvidas no ano 2018, dizendo que apesar das dificuldades, a Associação cumpriu mais um ano a sua finalidade, que é de prestar serviços aos seus associados e lutar incansavelmente por políticas públicas para melhores dias dos associados e da classe.

          Em um breve resumo foi lido o relatório das atividades do ano 2018, e entre elas:
- Aquisição de 85 equipamentos ortópedicos entre: cadeiras de rodas,  cadeiras de banho (higiênica) muletas axilares, canadenses, andadores e bengalas (novos).
Emprestimos de equipamentos: Foram emprestados 166 Equipamentos ortpédicos  e foram
Devolvidos 135, nos quais foram feitas as devidas manutenções para futuros emprestimos. Enfatizamos que atendemos toda população do nosso município dentro das nossas possibilidades (claro).

         Ainda foi feito um agradecimento especial á Secretaria Ismênia, por sua dedicação ao trabalho na Entidade e ao Diretor e Responsável pelo Almoxarifado da Entidade, O Sr. Absolão Pereira Soares (Silon) que tambem é o responsável pela adaptação dos Veículos dos Amigos Portadores de Deficiências, e que já foram adaptados mais de 50 veículos no total.

         Outras atividas realizadas durante o ano, realizamos: 51 Programas de Rádio a Voz da ADET, que vai ao Ar todo os sábados das 13 ás 14 horas na Rádio Comunitária Tabira FM 87,9. Realizamos 12 reuniões mensais ordinárias, 02 participações em outros Programas de Rádio, 42 recuperação de equipamentos, 78 confecção de acentos e encostos de cadeiras de rodas, 260 plantões na Sede Social e a Confraternização da Entidade, no Tabira Campestre Clube.

       Dando prosseguimento a reunião foi facultada a palavra a todos os presentes, e todos os diretores fizeram questão de parabenizar o atual presidente da Entidade, Luiz Antonio da Silva (Nem), pela sua organização e cuidado na administração da Instituição, que este ano completa o seu 15º Aniversário, cumprindo de fato e de direito o seu papel de servir na área da inclusão social e de direitos, a todos que dela necessitarem.

O Ex-Presidente e atual Secretário Heleno Trajano, disse em resumidas palavras da sua gratidão pela união do grupo e frisou a persevarança, insistencia e a persistencia de todos para manter a Entidade de pé e funcionando bem, disse ainda saber das dificuldades enfrentadas, mas que foi com muita luta e garra que os objetivos foram conquistados, entre eles: A conquista do terreno da Sede e sua Escrituração Pública. O Ex-presidente Anchieta Araújo, também citou varias conquistas como a realização do Programa de Rádio A Voz da ADET, há 15 anos ar e falou da necessidade de se enviar ofícios para as escolas, convidando grupo de alunos para visitarem a Entidade.

      Durante a reunião tivemos a grata satisfação de receber um grupo de pessoas da cidade de Iguaraci - PE, junto com o presidente da APDI - Associação das Pessoas Com Deficiencias de Iguaraci, o Sr. João Amaral, que no ano 2007 conheceu a ADET e veio renovar este intercambio e troca de experiências e falar um pouco da necessidade de juntarmos forças a nível de Estado, para trazer melhores dias para os associados de ambas as Entidades.

        E por último o presidente agradeceu a presença de todos, deu por encerrada a reunião e convidou a todos para se deliciarem de um belo Lanche. A todos que se fizeram presentes, o nosso muito obrigado!

Por Heleno Trajano.

     

terça-feira, 8 de janeiro de 2019

Futuro indefinido para o PSB de Tabira

“Não haverá nenhum movimento que venha fraturar a sigla no município. Vamos ouvir os deputados João Campos e Waldemar Borges”, disse Tadeu Alencar
Anchieta Santos
O PSB é hoje a noiva mais cobiçada da política de Tabira. Vários grupos estão de olho no comando da legenda.
Dizendo que este é um tema que a direção estadual vai discutir com tranquilidade o Deputado Federal Tadeu Alencar, vice-Presidente do PSB, em entrevista a Rádio Cidade prometeu debater com o grupo que lhe apoia para encontrar uma direção que represente o conjunto de forças do município.
“Não haverá nenhum movimento que venha fraturar a sigla no município e para isso vamos ouvir os deputados João Campos e Waldemar Borges votados aqui na Cidade das Tradições”, concluiu o parlamentar.
O PSB de Tabira tem hoje dois presidentes. Pipi de Verdura seria o Presidente de direito por estar com o nome colocado na antiga Comissão Provisória e a vereadora Claudicéia Rocha como Presidente de fato.
O ano de 2019 começa com vários grupos desejando o comando da sigla. Além dos atuais integrantes, estão querendo o partido do Governador Paulo Câmara, o ex-prefeito Dinca Brandino, inclusive já confidenciou a alguns aliados que o ex-vice-prefeito Joel Mariano será o novo Presidente.
O empresário Irmão Betinho, que sonha em disputar a prefeitura em 2020 quer o comando da legenda. E por incrível que pareça existem informações que até o Prefeito Sebastião Dias(PTB), também deseja ter alguém ligado a ele na presidência da Comissão Provisória do PSB.
O ano promete uma boa disputa em Tabira já pelo comando do partido do governador

Caça às bruxas na política tabirense

Passada a polêmica eleição da Câmara de Tabira com a reeleição da Presidente Nely Sampaio, a caça às bruxas parece ter começado. A informação é de Anchieta Santos ao blog.
Nos bastidores da política as informações são de que quem foi indicado pelo vereador Didi de Heleno está deixando a gestão. Dentre os nomes citados, o da filha Aída Menezes, que Coordenava o Posto do Detran, a cunhada Cleonide que atuava no Posto de Saúde da Borborema e o motorista,  Alisson, ao que parece único sem relação de sangue.
Merendeiras também ligadas a Didi teriam perdidos os seus empregos.
Por outro lado, na Câmara os vereadores que ficaram contra a presidente Nely Sampaio já dão como certo que vão perder os cargos que tinham no legislativo.
E segue a vida na política tabirense e o seu clássico “toma lá dá cá” e “não dá cá, tomo lá”…

sábado, 5 de janeiro de 2019

Tadeu Alencar cumpre agenda no Pajeú










Líder do PSB na Câmara Federal o Deputado Tadeu Alencar (PSB) na passagem pelo Pajeú neste final de semana, além de participar das Festas de Reis e de Louro, em São José do Egito ao lado do Prefeito Evandro Valadares (PSB), visitou Tabira, Ingazeira e esteve com o Prefeito José Patriota em Afogados.
Na cidade das Tradições concedeu entrevista a Anchieta Santos na Rádio Cidade FM. Tadeu esteve no Pólo de Educação a Distância onde ficou encantado com o comprometimento da equipe e assumiu compromisso de em fevereiro fazer audiência com o Secretário de educação Fred Amâncio e com o reitor da Universidade de PE Pedro Falcão para discutir um modelo de financiamento do projeto de educação a distância.
No Programa Cidade Alerta, Tadeu Alencar falou aos comunicadores Felipe Marques e Fabricio Ferreira sobre a votação em Tabira, onde recebeu pouco mais de 800 votos e tratou de destinar recursos com emenda para a 2ª etapa do Curral da Feira do Gado e defesa da cobertura da feira de Frutas e verduras.
Foi cobrado para lutar em defesa da construção da Barragem da Azeitona, restauração da PE 304 estrada que liga Tabira a Água Branca, apoio aos eventos culturais de Tabira, flexibilização da Lei de Responsabilidade Fiscal ao que chamou de aperfeiçoamento e futuro do PSB em Tabira, que hoje tem muita gente de olho em seu comando.

quarta-feira, 2 de janeiro de 2019

Bolsonaro editará decreto com mínimo em R$ 998, diz Casa Civil

 O presidente Jair Bolsonaro assinará o decreto fixando o salário mínimo em R$ 998, informou o futuro subchefe de Assuntos Jurídicos da Casa Civil, Jorge Antônio de Oliveira Francisco.
Em dezembro, o Broadcast antecipou que o valor do salário mínimo ficaria abaixo dos R$ 1.006 aprovados no Orçamento deste ano. Isso porque o reajuste segue fórmula que considera a inflação que, nos últimos meses, veio abaixo do esperado. O salário mínimo hoje é de R$ 954. Pela regra, o valor é reajustado pela inflação medida pelo INPC, mais o crescimento do PIB de dois anos anteriores – foi de 1% em 2017.

Governadores assumem com atraso de pagamentos e gastos com pessoal acima da legislação

Governadores do Nordeste
Nexo
Nesta terça-feira (1º), 27 governadores serão empossados nos estados e no Distrito Federal. Dez deles foram reeleitos. Dezesseis estarão chegando ao poder no primeiro dia do ano.
O caso diferente é o de Roraima, onde o eleito Antonio Denarium (PSL) governa desde 15 de dezembro como interventor federal nomeado pelo presidente da República – graças a uma crise financeira agravada pela migração de venezuelanos.
A situação que Denarium conheceu em dezembro não é muito diferente de vários outros estados brasileiros. Grande parte sofre para honrar despesas obrigatórias, que cresceram nos últimos anos. Como parte de um acordo para alongar o pagamento de uma dívida de décadas com o governo federal, os estados se comprometeram com metas de controle de gastos e de transparência nos dados financeiros.
Foi a partir desses dados que a Secretaria do Tesouro Nacional, do Ministério da Fazenda, fez uma radiografia completa sobre as finanças das 27 unidades da federação. Em um relatório lançado no fim de novembro, eles ganharam inclusive notas de acordo com a capacidade de honrar dívidas.
O Nexo calculou e organizou alguns dos principais dados financeiros fornecidos pelo Tesouro Nacional. Os gráficos mostram desde o grau de comprometimento das finanças com pessoal até a dependência de alguns de transferências de recursos federais. Os dados mais recentes disponíveis são do ano de 2017 e em nenhum dos gráficos há correção pela inflação.
A arrecadação dos estados cresceu em termos nominais, mas quando se leva em conta a inflação, o aumento real foi pequeno. Todas as receitas somaram R$ 752 bilhões em 2015 e R$ 742 bilhões em 2016 (em valores atualizados) contra R$ 755 bilhões em 2017. Isso aconteceu mesmo com vários dos estados tendo entrado em programas de ajustes fiscais, com aumentos de tributos. O gráfico abaixo mostra que os tributos próprios ganharam ainda mais importância no quadro geral.
Por um lado, as receitas cresceram pouco – mesmo com aumento de impostos. Por outro, as despesas continuam a crescer acima da inflação. Entre 2015 e 2017, cresceram principalmente os gastos com funcionalismo e custeio dos estados. Ou seja, salários de servidores da ativa e aposentados, além de gastos para a manutenção dos serviços públicos. Os gráficos abaixo mostram que, sufocados por gastos obrigatórios, os estados têm investido pouco.

Fonte: http://nilljunior.com.br/